Prêmios

Todos os campus

Tese premiada em economia avalia adoção de tecnologias em fazendas leiteiras no Brasil

19/08/2019

Professor Erly Cardoso Teixeira (UFV) e André Rosemberg Peixoto, autor da tese

Uma tese defendida no Programa de Pós-Graduação em Economia Aplicada da UFV foi escolhida como a Melhor Tese em Economia Rural do Brasil. Com o título “Os impactos dinâmicos da adoção de tecnologia em nível de fazenda na produção, preços e lucratividade na cadeia de laticínios do Brasil”, a tese foi defendida por André Rozemberg, ano passado, e orientada pelo professor João Eustáquio de Lima e co-orientada por Charles F. Nicholson(Cornell University) e Roberto M. Proti (UFV)

O Prêmio Edson Postch Magalhães de melhor tese em economia rural do Brasil é concedido anualmente pela Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (Sober). A premiação foi concedida durante o 57º Congresso da Sober, realizado em julho, em Ilhéus, Bahia.

André Rozemberg é zootecnista, com mestrado e doutorado em Economia Rural pela UFV. Atualmente, ele é professor na Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS). Ele explica que o trabalho utilizou um modelo de simulação computacional para a cadeia produtiva do leite e teve como objetivo avaliar o impacto da adoção de tecnologias sobre variáveis do mercado. Entre as principais conclusões, o autor cita que o aumento da produção proveniente do uso de tecnologias pode levar a redução dos preços pagos aos produtores, caso as condições de demanda não se modifiquem na mesma velocidade.

André cita ainda que, mesmo em cenários de menores preços, produtores que adotam tecnologia sempre estarão em melhor situação do que aqueles que não adotam e que o processo de inovação tecnológica é capaz de explicar grande parte do efeito de exclusão de produtores não adotantes de tecnologia.

Por fim, o trabalho aponta que a tecnologia adotada, tanto por pequenos como por grandes produtores, beneficia não somente o segmento produtivo, mas também outros agentes da cadeia, tais como laticínios, atacado, varejo e,inclusive, consumidores com maiores quantidades e melhor qualidade de produtos lácteos.

 Na foto (Sober), o professor Erly Cardoso Teixeira representando o orientador do trabalho e o autor da tese, André Rosemberg Peixoto.

Léa Medeiros

Divulgação Institucional