Notícias

UFV recebe Escola Brasileira de Ressonância Magnética Nuclear

06/02/2019

Desde 3 de fevereiro, está acontecendo, no Departamento de Química da UFV, a III Escola Brasileira de Ressonância Magnética Nuclear (RMN). Coordenada pela Associação de Usuários de Ressonância Magnética Nuclear (AUREMN), juntamente com o Departamento de Química e a Sociedade Brasileira de Química (SBQ) – Regional Viçosa, suas atividades incluem palestras e dez cursos sobre tópicos variados da espectroscopia de ressonância magnética nuclear. Um deles é o de RMN aplicado a baixo campo com o uso equipamentos trazidos pela Bruker e FIT. Todos os cursos são ministrados por pesquisadores renomados de instituições nacionais e internacionais.

Participam da III Escola de RMN mais de 80 pessoas, entre estudantes e professores de diferentes regiões do país, incluindo Norte e Nordeste. A programação da escola e os programas dos cursos podem ser visualizados neste link.

AUREMN
A AUREMN foi fundada, em 1988, no Rio de Janeiro (RJ). É uma associação sem fins lucrativos que congrega profissionais do Brasil que utilizam a técnica da RMN e, mais recentemente, da Ressonância Paramagnética Eletrônica (RPE).
Um de seus objetivos é difundir os princípios e as aplicações dessa ferramenta analítica. Além da organização anual de eventos (jornadas e encontros), a associação também apoia a realização de cursos sobre ressonância, que abordam dos fundamentos básicos a conceitos avançados.

Inicialmente, seus cursos eram ministrados apenas no Rio de Janeiro. Em função, contudo, do alto custo de deslocamento e estadia para estudantes, a AUREMN passou a realizar cursos itinerantes, com temas e conteúdos adequados às necessidades locais. As Escolas de RMN fazem parte da concepção do Programa de Formação Compartilhada em RMN.

 

Fonte: Robson Ricardo Teixeira
Divulgação Institucional

Notícias

UFV Na Mídia

Campus UFV - Viçosa

  • Ministério da Educação
  • Transparência Pública
  • Acesso à Informçãão
  • Agenda da Reitora
  • Campus Oficial