Notícias

Coordenadoria de Educação a Distância cria acervo digital

29/06/2018

.

Para quem deseja conhecer os conteúdos e materiais didáticos de cursos produzidos pela Coordenadoria de Educação Aberta e a Distância (Cead) da UFV, o acesso agora ficou mais fácil. Desde junho, está disponível, na internet, o Acervo Cead, que reúne uma série de conteúdos realizados em diferentes formatos e áreas do conhecimento. O objetivo é que ele seja um material de apoio para consulta, pesquisa, suporte em trabalhos acadêmicos e outras produções relacionadas à educação.

A expectativa da coordenadora da Cead, professora Silvane Guimarães Silva Gomes, é a de que o Acervo amplie o alcance do conhecimento gerado por pesquisadores, professores e técnicos de diversos departamentos da UFV. Nesse sentido, ela avalia o novo espaço como uma forma de retornar para a sociedade o investimento que faz na manutenção do ensino público.

Por enquanto, de acordo com a professora, estão disponíveis, gratuitamente, no Acervo Cead, o conteúdo de quatro cursos financiados pela Capes/UAB, além de três disciplinas/projeto. Também integram o Acervo três disciplinas do curso de Engenharia Civil e uma de Linguística, com tradução para a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Há ainda materiais didáticos interativos dos Laboratórios Virtuais, um projeto entre a Universidade Aberta e Integrada de Minas Gerais (Uaitec) e a UFV. Esses materiais, especificamente, trazem simulações e jogos nas áreas de Biologia, Física, Informática, Libras, Matemática e Química. Além de textos para leitura, todos os cursos dispõem de ferramentas como aulas narradas, vídeos e animações. Tudo produzido pela equipe da Cead, que já contabiliza 17 anos de história.

Inclusão e proteção
A iniciativa de divulgar materiais em Libras no Acervo permitirá maior socialização dos trabalhos que buscam atender às demandas de inclusão/acessibilidade, na avaliação do professor Vinícius Catão de Assis Souza, coordenador da Unidade Interdisciplinar de Políticas Inclusivas da UFV. Esses trabalhos, segundo ele, poderão ser aprimorados e contribuírem para o acesso de outras instituições com demandas semelhantes de atendimento no campo da inclusão. De acordo com o professor, as instituições vão poder não apenas utilizar o material do Acervo, mas também complementar o que já foi produzido pela Cead. E isso, em sua opinião, "favorecerá o processo de inclusão e acolhimento das diferenças na Universidade, permitindo melhor equiparação de oportunidades dos estudantes frente o acesso ao conhecimento".

A professora Silvane explica que a criação do Acervo Cead também atende a uma resolução, de 2016, do Conselho Nacional de Educação e da Câmara de Educação Superior, que especifica que “as instituições de Educação Superior e demais órgãos que permeiam a esfera pública devem garantir a disponibilização e divulgação dos materiais produzidos por meio de Licenças Livres.” Ainda que a resolução se refira ao conteúdo proveniente do Sistema UAB (Universidade Aberta do Brasil), no Acervo estão disponíveis também materiais realizados com recursos de outras instituições. 

Vale ressaltar que os conteúdos do Acervo estão resguardados e protegidos pelas licenças do Creative Commons. Essa modalidade de licenciamento distingue o que pode ser copiado, distribuído, editado, remixado e utilizado para criar outros trabalhos. Obedecem, assim, à legislação de direito de autor e de direitos conexos. Portanto, todas as realizações, pesquisas e trabalhos desenvolvidos a partir de algum dos conteúdos devem manter a referência de quem os produziu e de onde foram retirados. Nenhum material ou recurso disponível no Acervo poderá ser comercializado.

O Acervo Cead pode ser consultado em: https://acervo.cead.ufv.br/

Adriana Passos
Divulgação Institucional

Notícias

Campus UFV - Viçosa

  • Ministério da Educação
  • Transparência Pública
  • Acesso à Informçãão
  • Agenda da Reitora
  • Campus Oficial