Notícias

IPC-Viçosa registra desaceleração da inflação e queda no custo da cesta básica em fevereiro

07/03/2018

.

O índice de Preços ao Consumidor (IPC) de Viçosa, calculado pelo Departamento de Economia da UFV (DEE), registrou em fevereiro, desaceleração significativa da inflação, já que os preços no município ficaram 0,12% mais caros, enquanto em janeiro o aumento foi de 1,18%.

Se comparada com o Brasil, a inflação em Viçosa também foi menor em fevereiro, já que segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA–15), levantado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os preços tiveram elevação de 0,38% no mês corrente.

Em termos de valor, o custo da cesta básica no município ficou 5,04% mais barato, com destaque para produtos como o tomate (-18,33), o óleo de soja (-11,95) e a banana prata (-11,93). Em fevereiro de 2018, os sete grupos que compõem o IPC-Viçosa tiveram as seguintes variações: Vestuário (1,40%); Saúde e Cuidados Pessoais (1,19%); Artigos de Residência (0,90%); Transporte e Comunicação (0,35%); Habitação (-0,09%); Educação e Despesas Pessoais (-0,43%); e Alimentação (-0,71%).

O DEE acompanha, desde 1985, a evolução dos preços de bens e serviços pagos pelos consumidores viçosenses. O público-alvo da pesquisa é uma família de quatro pessoas, com renda entre um e seis salários-mínimos. A pesquisa é realizada pelo professor Jader Fernandes Cirino e pela técnica Vânia Eugênia da Silva, e conta com o apoio da Fundação Arthur Bernardes (Funarbe) e da Empresa Júnior de Economia (Ejesc Jr).

O boletim deste mês pode ser conferido no arquivo anexo. As séries históricas e boletins anteriores do IPC-Viçosa estão disponíveis na página do DEE.

Fonte: Equipe IPC-Viçosa
Divulgação Institucional

Notícias

Destaques


Campus UFV - Viçosa

  • Ministério da Educação
  • Transparência Pública
  • Acesso à Informçãão
  • Agenda da Reitora
  • Campus Oficial