Notícias

Trabalho de pós-doutoranda da UFV é premiado em congresso nacional de Nematologia

10/11/2017

.

A pós-doutoranda do laboratório de Controle Biológico de Fitonematódies (Bionema), Thalita Monteiro, foi premiada duas vezes durante o Congresso Brasileiro de Nematologia, realizado em Vitória-ES.

A pesquisadora foi premiada pela melhor fotografia e também pelo melhor trabalho apresentado. O trabalho, Co-inoculação de Bradyrhizobium japonicum e Pochonia chlamydosporia em soja: absorção de nutrientes e controle de Meloidogyne javanica, foi desenvolvido durante o seu doutoramento no Programa de Pós-Graduação em Fitopatologia e orientado pelo professor Leandro Grassi Freitas.

Durante a pesquisa, ela inoculou conjuntamente a bactéria Bradyrhizobium japonicum, responsável pela fixação biológica de Nitrogênio na cultura da soja e o fungo Pochonia chlamydosporiaque, utilizado nas lavouras visando o controle de nematoides, patógenos que causam grandes danos a essa cultura. O fungo proporcionou aumento do número de nódulos da bactéria em raízes de soja. Quando aplicado isoladamente, o fungo foi capaz de aumentar a aquisição dos macronutrientes (N, P, K, Ca, Mg e S) e dos micronutrientes (Cu, Fe Zn, Mn e B). Segundo a pesquisadora, houve também interação positiva entre os organismos quanto à aquisição de ferro pelas plantas. O aumento de N foi de aproximadamente três vezes no tratamento utilizando apenas o fungo. Entre outros benefícios, a pesquisa conclui que o fungo e a bactéria são compatíveis e que a presença de um não prejudica a atividade do outro, além de interagirem positivamente aumentando a nodulação e contribuindo para a melhoria do estado nutricional das plantas.

Léa Medeiros
Divulgação Institucional

Notícias

Destaques


Campus UFV - Viçosa

  • Ministério da Educação
  • Transparência Pública
  • Acesso à Informçãão
  • Agenda da Reitora
  • Campus Oficial